Procurar por cirurgião na região

selecione o estado e a cidade para efetuar a busca:



Principais cidades:

São Paulo
Recife

Rio de Janeiro
Curitiba

Belo Horizonte
Goiânia

Porto Alegre
Brasilia


Tipos de Cirurgias Plásticas


Cirurgia de Correção Para simetria Mamária



O tratamento de assimetria das mamas é utilizado para corrigir diferença em tamanhos, formatos ou posição das aréolas e é realizado em mulheres que já tenham a puberdade completa, porque não se espera continuidade de desenvolvimento das mamas. Veja também Mamoplastia de Aumento.


Duração:

De 1 a 3 horas


Efeitos Colaterais:

Desconforto leve a moderado, inchaço e equimose.


Recuperação:

A paciente pode voltar ao trabalho entre 1 a 2 semanas após a cirurgia.


Riscos:

Enrugamento visível do implante, perda de sensibilidade no mamilo, assimetria persistente, ruptura do implante ou mudança de lugar, infecção, hematoma e contratura capsular.


Resultados:

A redução é permanente ou pode aumentar com o ganho de peso ou mudança hormonal. Implantes requerem revisão de 5 a 10 anos.


Técnica Utilizada:

O cirurgião pode aumentar uma mama pequena com um implante, reduzir um seio grande, ou usar dois implantes de tamanhos diferentes. Assimetria é um processo individual, com várias possibilidades de locais para incisão: ao redor da aréola, no sulco inframamário, nas axilas.


Internação:

A cirurgia pode ser realizada com internação ou sem, dependendo do caso, consulte sempre seu médico.


Anestesia:

A cirurgia de correção de simetria mamaria é realizada sob anestesia peridural, local com sedação ou geral.


voltar